QSMS

A divisão de QSMS da E MAIS GROUP é formado por consultores independentes com sólido conhecimento técnico e grande experiência profissional e gerencial, capazes de oferecer soluções para todos os tipos e portes de empresas em Gestão da qualidade, saúde e segurança do trabalho, Meio Ambiente, Responsabilidade Social

ISO 9001
É uma norma de padronização para um determinado serviço ou produto.

Esta norma faz parte do conjunto de normas designado ISO 9000 e pode ser implementada por organizações de qualquer tamanho, independentemente da sua área de atividade.

O ISO 9001 tem como objetivo melhorar a gestão de uma empresa e pode ser aplicado em conjunto com outras normas de funcionamento, como normas de saúde ocupacional, de meio ambiente e de segurança.

ISO 45001
A ISO 45001 é uma Norma Internacional que especifica os requisitos para um Sistema de gestão de segurança e saúde do trabalho, com orientações para a sua utilização, melhorar proativa mente o desempenho da SST na prevenção de lesões e doenças.

Importante salientar que a ISO 45001 é aplicável a qualquer organização, independentemente do seu tamanho, tipo e natureza. Todos os seus requisitos têm a intenção de ser integrados na gestão de uma organização própria

ISO 14000
O principal objetivo da ISO 14000 e de suas normas é garantir o equilíbrio e proteção ambiental, prevenindo a poluição e os potenciais problemas que esta poderia trazer para a sociedade e economia.

Para que uma empresa garanta o seu Certificado ISO 14000, ela deve se comprometer com as leis previstas na legislação ambiental de seu país. Este certificado simboliza que determinada empresa tem preocupação com a natureza e possui responsabilidades com o meio ambiente. Atualmente, este tipo de perfil empresarial colabora para a valorização dos produtos ou serviços da companhia e da marca.

ISO 26000
A ISO 26000 tem como objetivo orientar organizações, de qualquer porte ou localização, a incorporarem diretrizes socioambientais em seus processos decisórios e a se responsabilizarem pelos impactos de suas ações na sociedade e no meio ambiente.

Para tanto, as organizações precisam buscar a construção da responsabilidade social a partir de uma mobilização interna, seguindo princípios como: accountability (prestação de contas à sociedade); transparência; comportamento ético; respeito e consideração aos interesses dos stakeholders (funcionários, gestores, fornecedores, clientes, Estado e entidades de classe); cumprimento das leis e normas internacionais e universalidade dos direitos humanos.